Saiba tudo sobre a escala de trabalho 24x48

Existem vários tipos de escalas de trabalho, segundo as leis trabalhistas. Uma delas é a escala de trabalho 24x48, comum na área da saúde, mas também para policiais e vigilantes.

homem trabalhando com seu notebook simbolizando escala de trabalho 24x48

homem trabalhando com seu notebook simbolizando escala de trabalho 24x48As leis trabalhistas concordam que existam vários tipos de escalas de trabalho. Fica a cargo de cada empresa escolher qual a melhor escala para seus funcionários seguirem.

A escala de trabalho é diferente da jornada de trabalho, ou seja, a empresa também precisa informar qual a jornada de trabalho seus funcionários irão cumprir.

De todas as escalas permitidas pela CLT, duas em específico são legalmente permitidas em Convenções Coletivas (ato jurídico pactuado entre sindicatos de empregadores), mas não possuem amparo legal nos Tribunais Trabalhistas. Elas são a escala de trabalho 12×36 e 24×28. E é desta última que iremos falar no artigo de hoje.

Quer saber tudo sobre a escala de trabalho 24×48? Então, continue lendo até o final!

Funções em que a escala de trabalho 24×48 é comum

Assim, como a escala 12×36, a escala de trabalho 24×48 também é comum na área da saúde, para médicos e enfermeiros que dão plantões em hospitais. Mas além disto, esta escala também é comum para policiais, vigilantes e cobradores de pedágio.

A escala funciona da seguinte maneira: a cada 24 horas trabalhada, o funcionário tem direito a 48 horas de descanso. Ou seja, se você trabalhou de 8 horas até às 8 horas do outro dia (começou na segunda-feira e voltou para casa na terça-feira), então você só voltará a trabalhar às 8 horas da quinta-feira.

Para policias é comum rondas durante a noite e vigílias em postos policiais, e para cobradores de pedágio é comum ficar durante e a noite a madrugada na guarita do pedágio, já que ela não pode fechar.

Horas extras noturnas

Antes de tudo é importante você saber como calcular o adicional noturno, mas eu falei sobre isto no artigo sobre a escala de trabalho 12×36, então confira aqui!

Adicional noturno é diferente de horas extras noturnas. Se você fez horas extras no período da noite, então o adicional noturno é somada ao cálculo de horas extras, resultando em uma remuneração maior ao funcionário.

Como é feito este cálculo? Basta você incidir 50% em cima do valor da hora trabalhada e somar depois. É importante você saber quanto custa o seu salário-hora. Para saber como descobrir o valor do seu salário-hora, clique aqui.

Por exemplo: se o seu salário é R$ 1.500 e você trabalha 200 horas mensais, então você divide 1.500 por 200 que fica igual a 7,5. Depois você incide 50% de 7,5 que é 3,75. Agora some 7,5 com 3,75 que fica 11,25. Logo, cada hora extra para você custará R$ 11,25.

Agora se você trabalhar em algum feriado ou domingo, então o cálculo deve ser incidido em 100% do valor.

Portanto, quando somado ao adicional noturno, o resultado é um acréscimo de 70% a cada hora extra de trabalho no turno da noite. Aos domingos e feriados, horas extras noturnas acrescentam 120% ao salário do funcionário.

Algumas dúvidas frequentes

1. A saúde do funcionário não será prejudicada?

O corpo humano precisa descansar, mas para profissionais que realmente precisam trabalhar em escala 24×48, é importante que as 48 horas de descanso sejam usadas com sabedoria.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) alega que os funcionários que trabalham a noite se desgastam mais do que os funcionários que trabalham de manhã ou a tarde. Ou seja, é realmente as empresas respeitarem o descanso e pagar o adicional noturno.

2. A escala de trabalho 24×48 é mais comum que a escala 12×36?

Não, a escala 24×48 é menos comum que a escala 12×36. Para falar a verdade, a escala 24×48 não é mais usada com frequência atualmente.

Hospitais, empresas privadas de segurança, postos policiais, etc. preferem trabalhar com a escala 12×36, justamente pela saúde do funcionário e facilidade de achar funcionários dispostos.

Óbvio, que, às vezes, é realmente necessário trabalhar em escala 24×48. Então, como eu já disse, é importante que as empresas respeitem as leis trabalhistas e cumpram com o seu papel de empregador.

Conclusão

A escala de trabalho 24×48 não é comum, mas pode ser realizada por profissionais da saúde, policiais, vigilantes e cobradores de pedágio.

Apesar de de ser legalmente permitida em Convenções Coletivas, a escala 24×48 não possui amparo legal nos Tribunais Trabalhistas.

Você já conhece o PontoGO? Ele é um sistema de ponto online que pode auxiliar o registro de ponto de todos os funcionários de uma empresa, seja ela pequena, média ou grande. Faça um teste!

Então, você gostou do artigo? O seu comentário é muito importante para nós!

Se você tem sugestões de outros temas, sinta-se a vontade para comentar!

3 Curtir
0 Não curti

Deixar uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *