Ponto eletrônico homologado: o PontoGO está de acordo?

Você sabe o que é um ponto eletrônico homologado? É importante entender o que significa para que sua empresa não tenha problemas futuros. Confira!

pessoa segurando um celular simbolizando ponto eletrônico homologado

Você sabe o que é um ponto eletrônico homologado? Talvez esta última palavra não seja tão comum no seu vocabulário diário, porém é importante aprender o que significa esta homologação e se a sua empresa contém um ponto eletrônico que está de acordo.

Se a sua empresa possui outro tipo de ponto, como relógio de ponto, ele também precisa ser homologado. De qualquer forma, vamos focar neste texto no ponto eletrônico, como o PontoGO, pois acreditamos que ele é o melhor tipo de ponto para qualquer empresa. Durante o texto você entenderá o motivo.

Agora, vamos ao artigo e descubra agora se o PontoGO é homologado!

O que significa homologado?

Em 2009, o Ministério do Trabalho (MTE) estabeleceu uma Portaria, que viria a ser complementada e efetivamente ativa a partir de 2012, a Portaria 1.510.

Basicamente através dela foram estabelecidos novos padrões para os controles de ponto (relógio de ponto, ponto biométrico, ponto eletrônico, etc.) que deveriam atender aos requisitos e serem devidamente homologados pelo próprio MTE para serem comercializados.

Ou seja, aprovados por uma autoridade judicial ou administrativa, que no caso é o Ministério do Trabalho.

Entre as novas regras, os equipamentos de controle de ponto devem possuir uma memória interna permanente e inviolável, ou seja, o histórico não pode ser apagado, número de série, possuir impressora para emitir um comprovante para cada batida do ponto (relógio de ponto e ponto biométrico; o ponto eletrônico não precisa de impressora, pois os funcionários conseguem ter acesso a seu histórico de registro) e o equipamento deve ter função exclusiva de registro do ponto, não podendo ser utilizado para outras finalidades.

O PontoGO é homologado?

Agora, fica a pergunta: será que o PontoGO é homologado? Sim!

O ponto eletrônico é totalmente seguro e permitido por lei. Em 2011, a Portaria 373 do Ministério do Trabalho retirou a exigência de se usar apenas os sistemas cadastrados por eles, como o relógio de ponto digital e o livro de ponto.

Porém, por ser um sistema online é interessante que a empresa contrate um serviço que consiga satisfazer todas as suas necessidades, como por exemplo: cada funcionário ter sua própria senha para entrar no sistema, geolocalização, verificação de IP, etc.

A boa notícia é que o PontoGO tem tudo isto! Além de ser um ponto eletrônico homologado, suas funcionalidades não deixam a desejar, trazendo facilidade tanto para o empregador, como para os funcionários.

A empresa ao contratar os serviços do PontoGO consegue mandar por e-mail para cada funcionário um convite para participar do sistema. Assim, ele cria sua própria senha de acesso, permite a localização em tempo real, além de registrar os pontos de forma simples.

A empresa também consegue acompanhar todos os pontos em tempo real, fazer ajustes, fechar a folha, gerar relatórios e muito mais.

O PontoGO oferece vários planos que te permite escolher o melhor que irá se adequar a sua empresa. Por exemplo: se a sua empresa possui mais de 20 funcionários, então o plano ideal é o Pequena Empresa que é possível cadastrar até 25 colaboradores, além de pontos, abonos e ajustes ilimitados.

Todos os funcionários que utilizam o PontoGO podem usá-lo através do aplicativo ou pelo site na web.

Logo, podemos ter a certeza que o ponto eletrônico é o melhor tipo de ponto existente atualmente no mercado, fazendo o PontoGO ser o melhor para a sua empresa.

interface do aplicativo do pontogo

Na esquerda a interface de Relatórios do aplicativo do PontoGO, e na direita a interface de Solicitações de Abono e Ajustes.

Conclusão

As leis trabalhistas mudaram de uns anos para cá, incluindo a cláusula sobre os sistemas de controle de ponto. Você descobriu durante a leitura deste artigo que o ponto eletrônico é homologado pelo Ministério do Trabalho e que ele é o melhor tipo de controle de ponto que existe no mercado atualmente, além de ter um custo-benefício maravilhoso.

Ainda não conhece o PontoGO? Faça um teste!

Você, como empregador, precisa estar ciente de todas as novas regras para que não cause problemas futuros, e claro, para que seus funcionários tenham uma ótima experiência com o sistema de ponto.

Então, você gostou do artigo? O seu comentário é muito importante para nós!

Se você tem sugestões de outros temas, sinta-se a vontade para comentar! Sempre estamos aberto as opiniões de vocês.

2 Curtir
0 Não curti

Deixar uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *